Saber é saborear

12/01/2018
Cada artista tem sua história de vida e de luta, lutas.

Podemos imaginar que foi o acaso, talvez a sensibilidade dos seus gestores, ou até uma necessidade latente de todo o seu grupo ou da sua história. Mas a grande verdade é que o Colégio Santa Cecília é atravessado pela arte. 

Estamos vivenciando agora o Encontro Pedagógico, uma das atividades da formação continuada que envolve todos os colaboradores da Escola, a primeira do ano de 2018.

Naquele momento em que os educadores já cantaram, rezaram e antes de começar o desenvolvimento dos grandes temas do dia, um casal de bailarinos pode entrar, talvez um músico ou um coral de crianças. É nesse instante, em que o corpo e a mente estão leves, que a sensibilidade artística preenche o espaço,os saberes vão sendo tecidos com a linha que conduz e implica, a linha da arte, das artes, trazendo sabor que gera energia e vida.

Cada artista tem sua história de vida e de luta, lutas. E essa vibração chega a todos, é levada para a sala de aula, para os diversos eventos, para o dia a dia, para o caminho que será trilhado.

Não bastasse isso, o ir e vir pelos corredores denuncia as instalações de arte que interagem com as pastilhas coloridas e o verde dos jardins.

No final de tudo, ainda fomos brindados por uma apresentação do grupo principal de teatro da Escola, formado por estudantes e educadores.

Aí já foi outra história, pois aconteceu na mais antiga casa de educação de Fortaleza: o Colégio Imaculada Conceição.