Santa Cecília: 107 anos

17/01/2018
Há música nos corredores do Colégio Santa Cecília

"Vejo árvores verdes
Rosas vermelhas também
Vejo-as florescer
Para mim e para você
E eu penso comigo mesmo
Que mundo maravilhoso"


Terça-feira, dia 16 de janeiro, foi o primeiro dia de aula de 2018.

Os toques no serviço de som da Escola, que indicam o fim e o recomeço das aulas, já há muito tempo que nem lembro se um dia foi diferente. É ao som de músicas. Entro no Colégio Santa Cecília nesta semana de recomeço e escuto Louis Armstrong, com seu vozeirão inconfundível fazer uma declaração de amor ao mundo. O meio que ele escolheu para falar do seu amor ao mundo foi a música.

Armstrong não saberia e provavelmente poucos perceberam, mas naquele reinício de ano o Santa Cecília estava completando 107 anos de vida, vividos, bem vividos.

Há um astral alegre na Escola. As pessoas se cumprimentam, se abraçam e falam de suas vidas, dos amigos, das viagens, dos encontros, das dores, dos recomeços e da vontade imperativa de viver.

Procuro um bolo e não há bolo. Reflito: Santa Cecília estava certa, a melhor maneira de celebrar a vida é cantando.

Cantamos cá e Santa Cecília canta lá! Que venham muitos e muitos anos de vida acolhidos pela música, inspirados pela beleza que de tão essencial só Deus poderia ter criado.

Que as crianças, os jovens, os adultos que aqui estão deixem-se tocar pela sensibilidade da arte, da música, da celebração, dos saberes e da vida.

 

Ivan Guimarães é Gerente do Setor de Comunicação do Colégio Santa Cecília.